segunda-feira, outubro 20, 2003

O populismo de que eles não querem falar

Só quem não quer é que não diz que o populismo de que fala o Sr. Ferro é o populismo personificado no Sr. Portas e na sua aposta à Presidência da República, o Sr. Santana, o novo homem dos sete instrumentos do PSD.
O Sr. Ferro, que já só telefona à D. Ana e ao companheiro Pedroso o seu verdadeiro carrasco político, é um homem só nesta sua campanha inútil contra os moinhos de vento populistas que ele decidiu inventar.
A curto prazo, a estratégia não resultou e revelou-se profundamente errada; a médio vai-lhe custar a liderança do partido; e a longo, vai pôr fim à sua carreira política.
Com tanto tiro no pé é impossível resistir à infecção e à gangrena que se espalharam irracionalmente.
Mal aconselhado, pior avisado, Ferro já está na “Dead Row” da política.