quarta-feira, dezembro 10, 2003

Pedofilia nos Açores

O Presidente da Assembleia da República diz que desconhece pedofilia nos Açores. Mota Amaral, desconfio eu, também deve desconhecer, a existência de pobres, de prostituição, de mulheres que abortam, de deficientes mentais, de bandidos, de assassinos, de gente com SIDA, de repatriados dos EUA, de toxicodependentes, de maçónicos ou de tipos da Opus Dei.
Nada disto existe nos Açores porque o senhor Mota Amaral, que foi Presidente desta região autónoma, desconhece. Mas todos nós sabemos como é muito mais confortável para os políticos viver desconhecendo tudo isto. É como viver numa espécie de conto de fadas, onde o povo não tem problemas nem existe miséria. No fundo, é a tal teoria da negação constante que faz com que, por milagre e por obra de algum Espírito Santo, os problemas desapareçam sem nada se ter feito para isso. E é-se muito mais feliz. Isso de certeza absoluta.