segunda-feira, junho 28, 2004

7- Para Paulo Portas joga-se o seu futuro imediato. Há dias escrevia aqui que ele faria tudo para se manter no poder, numa altura em que o seu partido é marginal no seio da sociedade portuguesa e que subtrai em vez de somar. Isso agora é mais do que visível na colagem a Santana Lopes e no seu “pedido expresso” por uma outra pasta com maior visibilidade mediática que evite levar tanta porrada na comunicação social (o feitiço que se virou contra o feiticeiro) e que lhe dê o ar de menino angelical. O acordo está selado? Talvez. Mas isso não significa que seja exequível e muito menos que o PSD o aprove.

(Continua)

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Looking for information and found it at this great site... » » »

1:00 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

This is very interesting site... bingo game water bed sheet

11:29 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home