domingo, outubro 24, 2004

@ e duas chamadas não atendidas

Um chinês quis registar o seu primogénito com o original nome de @. As autoridades locais lamentavelmente não foram na conversa e não permitiram o feito que, no fundo, pouco teria de inovador. Nestas coisas nada como ter abertura de espírito e tolerância suficiente para entender e acolher estas novas modas. Mas enquanto a coisa não é possível e ninguém se lembra de chamar ao filho www ou mesmo João Internet de Email Pereira, nada como navegar um pouco pelas living rooms dos jogos de computador. Lá tudo isto (e muito mais) é possível e, garanto, viável. A imaginação do nickname (nome que esconde a verdadeira identidade e que pode ter mil e uma conotações) não tem limites, regras ou simplicidades. Desde o sTre337 Kill3r, fbi.pt, Corto Maltese, Frizen@TT, skunkblast, passando pelo [vírus] bossT, facas, baby BLUE, AKBrothers, KGB, e terminando no Krusk the Barbarian, City Hunter, black HAWK, jansolo.nl ou _AL_sadr, há de tudo e para todos os gostos e feitios. Incluindo um tipo (ou tipa) com a sugestiva alcunha de… duas chamadas não atendidas. Quem sabe o que o futuro nos reserva? Quem pode garantir que este chinês não é um visionário?