segunda-feira, janeiro 17, 2005

Sobre 'sobre a argumentacao'

A questao nao e discutir eucaliptos ao inves the batatas ou cebolas. A questao e discutir-se apenas os eucaliptos. Em Inglaterra ha uma expressao que eu considero brilhante: 'one can't see the wood for the trees'. Parece-me que este e o caso da presente discussao. Estou aqui a discutir o facto do Harry ter usado a farda (ou o que seja) dos nazis numa festa alusiva a nativos e colonialistas quando, por exemplo, em Inglaterra, sob o Criminal Justice Act 2003, que regula a lei anti-terrorista, os cidadaos de origem Africana tem uma probablidade 8 vezes maior de serem parados em via publica e revistados pela policia sem motivo declarado. O 'Terrorism Act 2000' permite a policia tal tipo de conduta - suspeicao de 'stop & search' com base na origem etnica do cidadao. Portanto, querem falar de racismo, descriminacao etnica, falemos do aqui e agora. Os campos de concentracao nao estao na historia, estao nos campos de refugiados que grassam pela Europa a fora, estao no Sudao, no Ruanda de 1994 e no Ruanda de 2005 que procura ainda a reconciliacao de uma nacao abandonada a si mesma. A forma de lidar com o racismo, com o facismo se quiserem, nao e proibir suasticas e canconetas. Vai muito para alem disso. O Harry nao precisa de usar a suastica para que todos os dias os direitos das minorias em Inglaterra e por essa Europa a fora sejam violados. Acho de um cinismo atroz, num pais em que tais FACTOS se passam diariamente, se venha com pompa e circunstancia discutir um acto irreflectido de um jet-setezito sem qualquer importancia. O Harry corresponde a copa das arvores e o resto aos troncos / madeira. Podemos discutir as copas das arvores, mas de nada adianta se nao se chega aos troncos...