segunda-feira, fevereiro 14, 2005

Dia dos Namorados

O Diário de Notícias cá do burgo promoveu um concurso de poemas e frases de amor, com toda a pompa e circunstância, dedicado ao Dia dos Namorados. O resultado, publicado hoje em anúncio de página inteira, é no mínimo intrigante. O nome dos autores, como é óbvio, não será mencionado. Algumas pérolas:

“Ana amo-te muito.
Desejo-te muitos beijinhos de JL”

“1 silêncio, 2 olhares,
3 sorrisos, 4 palavras,
5 abraços, 1000 beijos,
1 amor Gabriela.”

“Plantas o meu jardim
e decoras a minha alma
Cintia & Marco”

“Amava-te, amo-te, amarte-ei (sic). São estas as palavras que te direi hoje, Élvio”

“Quando começares a pensar em me esqueceres (sic),
esquece de pensar” (!!!) [enigmático no mínimo]

O terceiro prémio da contenda coube:
“meu amor por ti, é como a guerra,
fácil de começar, difícil de acabar”

O segundo:
“Deixo-me levar pelo coração,
neste sentimento especial,
é tão grande a emoção,
jantar contigo no Clube Naval [um dos patrocinadores do concurso]”

Conclusão: o amor é lindo.