segunda-feira, março 07, 2005

O genotipo dos politicos...

Os 'faladeiros' profissionais, tao requesitados pelos meios de comunicacao social portugueses onde bastas vezes vao 'botar faladura', sao de facto do melhor. A nata da nata, o creme de la creme da intectualidade lusa. Nos comentarios aos constituintes do novo governo, estes 'faladeiros' tiveram momentos de inspiracao intelectual transcendente. Muitos diziam que o novo governo e constituido por 'ilustres desconhecidos' sem experiencia governamental e / ou ministerial. De facto, e realmente estranho, como e que alguem sem experiencia governamental vai para o governo. Considero ate de premente necessidade a realizacao de testes geneticos a futuros candidatos por forma a aferir se os ditos cujos sao portadores do gene 'experiencia governamental' uma vez que esta, ao que parece, nao se adquire mas e sim inata. Agora percebo como e que Portugal sobreviveu mais de 40 anos a um regime de ditadura politica. Desculpem-me, que estupidez! Afinal era um regime legitimo baseado no genotipo de quem o governava: todos detentores de 'experiencia governamental'.
Todos os restantes comentarios prendiam-se com o perfil do ministro das financas, o novo Cristo. Eu parece-me que os 'faladeiros' de tanto falarem pouco ouvem e como tal, pouco percebem do que quer que seja. Os maiores problemas do pais sao problemas estruturais sociais e ai o ministro das financas, tenha estudado em Franca ou no Benin, tenha presidido a reitoria da sua universidade ou a sua comissao de condominio, pouco influi. Mas isto sou eu que digo. Quer dizer, a minha ascendencia proletaria as tantas nao me permite opinar sobre estas materias, a falta do gene de 'opinador-com-legitimidade'...